Artigo Capa Ed 39 – À Conversa com Nelson Pires

No dia 22 de fevereiro por volta das 10h30m, tivemos o prazer de conversar com o Dr. Nelson Pires, Presidente da Fundação Marquês de Pombal, pessoa coletiva de direito privado sem fins lucrativos, com fins de utilidade pública. Fazem parte integrante da supramencionada Fundação, o Palácio dos Aciprestes, o Parque de Ateliers Quinta do Salles, a Ludoteca na Portela de Carnaxide e a Casa Igrejas Caeiro. Esta agradável conversa teve lugar no Palácio dos Aciprestes em Linda-a-Velha.

A Voz de Paço de Arcos:- Por forma a conhecermos melhor o seu percurso de vida, peço que se apresente aos nossos leitores.

Nelson Pires:- Sou natural de Angola, detenho formação académica em Direito, Gestão de Marketing, Gestão de Negócios da Indústria Farmacêutica, mas desde muito cedo enveredei pelo sector farmacêutico.

A Voz de Paço de Arcos:-Na qualidade de Presidente conte-nos a historia da “Fundação Marquês de Pombal?

Nelson Pires:- A Fundação Marquês de Pombal surge a 13 de maio de 1992 e, nasce do interesse da Autarquia, em criar uma Instituição que promovesse a vida cultural no concelho de Oeiras inexistente até à data. Existia a divisão da cultura da Câmara de Oeiras, mas as atividades de cariz social eram promovidas por pessoas que não tinham ligação com a Autarquia. A Fundação Marquês de Pombal nasce dessa vontade.

A Voz de Paço de Arcos:- Quais as atividades desenvolvidas no Palácio dos Aciprestes?

Nelson Pires:- As atividades são diversificadas e impulsionadas por pessoas que promovem no concelho de Oeiras iniciativas culturais, como sendo literatura, pintura e fotografia.

A Voz de Paço de Arcos:- Quais as atividades desenvolvidas no Parque de Ateliers Quinta do Salles?

Nelson Pires:- O Parque de Ateliers é composto por cerca de 50 escritórios com preços acessíveis, destinados a empreendedores, pequenas “Startups” que querem iniciar o seu negócio e não têm capacidade de arrendar de imediato um espaço. Incentivamos o empreendedorismo, apoiando apresentação de projetos válidos por empreendedores do concelho de Oeiras.

A Voz de Paço de Arcos:– Quais as atividades desenvolvidas pela Ludoteca na Portela de Carnaxide?

Nelson Pires:– A Ludoteca é constituída por recursos humanos especializados, que fazem o acompanhamento a cerca de 50 crianças desfavorecidas do concelho de Oeiras, que em situação normal, não teriam possibilidade de frequentar um Atelier de Tempos Livres, prestando às suas crianças o serviço de acompanhamento formativo e lúdico, todos os dias a partir das 16h00.

A Voz de Paço de Arcos:– Que outras atividades são desenvolvidas pela Fundação Marquês de Pombal?

Nelson Pires:- A Fundação possui uma panóplia de pequenas atividades que vai executando no dia-a-dia, como é o caso do acompanhamento físico aos idosos, pela cedência do espaço a um preço simbólico, de modo a fazerem atividades físicas. Realiza habitualmente semanas de férias escolares e, patrocina a ida das crianças do concelho de Oeiras durante um mês à praia, onde é prestado o acompanhamento e todos os cuidados necessários.

A Voz de Paço de Arcos:- Que projetos pode partilhar com o nosso público que estejam no horizonte da Fundação?

Nelson Pires:- Tivemos o privilégio de nos ter sido deixado por testamento a Casa Igrejas Caeiro, célebre radialista, ator, politico português do Séc. XX e proeminente munícipe do concelho de Oeiras. A conclusão das obras de restauro na casa, assinalam um momento fundamental do nosso percurso na intervenção social e cultural do concelho, permitindo a promoção e a divulgação de um espólio artístico, cultural e político merecedor do conhecimento dos munícipes de Oeiras.

Futuramente a Fundação, pretende criar a Biblioteca Igrejas Caeiro e torná-la uma referência no Município de Oeiras como local de atracão cultural. A Fundação pretende ainda num futuro próximo, abrir uma segunda Ludoteca no Município de Oeiras, por considerar relevantes os benefícios que um espaço com estas características pode trazer às zonas mais desfavorecidas do concelho de Oeiras

A Voz de Paço de Arcos:- Em nome do Jornal: “A Voz de Paço de Arcos”, agradeço a disponibilidade do Dr. Nelson Pires para conversar connosco, na qual tivemos a enorme satisfação, de ficar a conhecer alguém que contribui para a comunidade de uma forma significativa.

Texto elaborado por: Mafalda Ascensão Formada em Psicologia | Fotografia Paulo Mascarenhas

A Voz Impresso | Série: 3| 39| Fevereiro | Ano 2022| Autoria: Mafalda Ascenção | Imagem: Paulo Mascarenhas

Quantas estrelas esse artigo merece?

Classificação média 5 / 5. Votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a classificar esse artigo

Como você achou este artigo útil ...

Partilhe-o nas redes sociais

Lamentamos que este artigo não lhe tenha sido.

Ajude-nos a melhora-lo!

Diga-nos como podemos fazê-lo.

close

Quer receber as nossas notícias em primeira mão?

Não enviamos spam! Leia a nossa política de privacidade para mais informações.

Renato Batisteli Pinto

Licenciado em marketing pela ESPM - Escola Superior de Propaganda e Marketing de São Paulo Brasil, auto didata em marketing digital. Humanista e amantes das artes. Sólida experiencia em marketing aplicado aos negócios locais

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    Usamos cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência em nosso site.